23 abril 2017

Seduzida por um guerreiro Escocês - Maya Banks




Sinopse:
Eveline Armstrong é imensamente amada e protegida por seu clã, mas as pessoas a consideram diferente, pois apesar de ser linda e encantadora, a moça sofreu um acidente que lhe causou sequelas não só psicológicas, mas também físicas, visto que ela ficou surda. Satisfeita com sua vida reclusa, ela aprendeu a ler lábios e permitiu que o mundo a enxergasse como uma tola. Contudo, quando um casamento arranjado a torna esposa de Graeme Montgomery, integrante de um clã rival, Eveline aceita seu destino – despreparada para os deleites que viriam. Enredado pelos mistérios de Eveline, cujos lábios silenciosos são cheios de tentação, Graeme vê seu casamento ameaçado devido às rivalidades entre clãs e agora deverá enfrentar inúmeras adversidades para salvar a mulher que lhe despertou tanto amor.

Os clãs de Montgomery e Armstrong são inimigos jurados, porque os Armstrongs mataram o ex-laird, e o pai de Graeme. Para implementar a paz entre os dois clãs, o rei da Inglaterra ordena um casamento entre Graeme, o laird dos Montgomerys, e Eveline, a filha do Armstrong. 



Eveline, embora vista por seu clã e dos forasteiros como estúpida, é verdadeiramente uma moça valente, engenhosa e astuta. Ela propagou a crença de ser louca para afastar um casamento indesejado. No entanto, quando o rei ordena um casamento, é algo que ela não pode evitar. E embora Graeme esteja disposto a perdoá-la pelos pecados de seu pai, achar aceitação entre os Montgomerys é algo que Eveline acha um tanto desafiador. Mas é um desafio que ela aceita de bom grado quando se vê encantada por seu marido. 



Graeme é um guerreiro - áspero, forte, mas muito bonito. Ele também é um homem muito bondoso, e justo. Enquanto ele entende a relutância de seu clã em aceitar sua nova esposa no clã, ele não vai permitir que eles a maltratam. Como Graeme fica mais familiarizado com Eveline, ele também descobre que ele tem sido dado um presente em sua esposa. 

Foi uma delícia testemunhar Graeme e Eveline aprender uns sobre os outros. Eveline ficou feliz em ver que Graeme era um bom líder e irmão. E Graeme ficou emocionado ao saber que sua esposa estava longe de ser idiota. Sua afeição era genuína e sua química uma queimadura lenta. A história toca em temas como o preconceito, e até mesmo o bullying, realmente. Foi emocionante ver as pessoas aprenderem que não deveriam julgar os outros à medida que novos amigos eram feitos, novas alianças se formavam. 

Conhecendo o elenco de personagens - irmãos de Graeme, Bowen e Teague, e irmã, Rory, bem como família de Eveline, fez a história que muito mais rica. Os personagens dos bancos são robustos e trouxeram vida à história de clãs rivais que põem suas diferenças de lado para um objetivo comum.Estou ansioso para conhecê-los todos melhor. A descrição dos bancos sobre a vida na fortaleza era realista e bem trabalhada. Mesmo escutando como um dia típico desdobrado tirou imagens vívidas em minha mente. 

Com um título como Never Seduce a Scot, eu estava esperando uma leitura leve e úmida. Lição? Nunca julgue um livro pelo seu título. 
Nunca seduza um escocês (tradução literal) era uma leitura profunda e complexa. Uma que trouxe lágrimas aos meus olhos, suspiros para a minha boca, e sorriso para o meu rosto. Eu não tinha idéia que Maya Banks escreveu ficções históricas, mas estou viciada e mal posso esperar para ler mais. 

Esse livro entrou para meu hall de preferidos, me fazendo chegar as lágrimas em alguns momentos, nunca tinha lido nada da Maya Banks, mas seus romances de época me conquistaram que venham os próximos.



7 comentários:

  1. Uma personagem de fato interessante, propagando o mito de ser louca para que não a forcem a fazer o que não deseja. O título mesmo pode ser enganoso, mas essa ideia da personagem já nos mostra uma mudança interessante no clima da história.
    Fiquei curioso e talvez eu dê uma chance, assim que terminar as outras leituras que já estão atrasadas, rs. Obrigado pela dica!

    ResponderExcluir
  2. Fiquei curiosa pra ler, já li alguns livros da Maya Banks. Eu posso não julgar um livro pela capa, mas acabei de perceber que julho muito pelo livro hahah. Com toda certeza esse livro vai estar na minha lista de leitura :)
    Segui seu blog e vou dar uma procurada em mais livros pra ler♥
    Beijos!
    http://kah-locatelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha! Romance e rivalidades entre clãs (neste caso ou entre famílias ou grupos) rendem ótimas histórias. Sempre é bom conhecer novos autores, adorei a dica!!! Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Achei super interessante essa personagem! Fiquei curiosa para ler o livro por causa dela, deve ser uma história cheia de ensinamentos de vida!
    By: Evy | atravesdaescrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. A protagonista aparenta ser do tipo de personagem forte. Eu gosto de livros onde mulheres são fortes e fazem o que der na telha. ^^ Nunca li nada de Maya Banks, não faz o meu gênero de leitura. ^^

    ResponderExcluir
  6. Eu amo esse livro. Realmente muito bom!

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Não conhecia essa obra da editora. O enredo parece bem dramática, no sentido positivo da palavra, e a personagem forte e intensa. Parabéns pela resenha, adorei conhecer a obra ^^

    ResponderExcluir